Fontes informaram à revista Variety que o ator britânico Ray Winstone, mais conhecido pelos papéis em Os Infiltrados, Noé e Branca de Neve e o Caçador, foi escalado para o filme da Viúva Negra.

Como já se sabe, o filme ainda não foi confirmado pela Marvel, espera-se que isso seja feito na San Diego Comic-Con, que acontece em julho, ou durante a D23 Expo, em agosto. Com o anúncio, é quase certo que mais informações sobre o elenco sejam vazadas.

Ray atualmente está envolvido na adaptação cinematográfica da peça de teatro “Cats”, o longa-metragem estreia em dezembro deste ano e nele o ator contracena com rostos conhecidos como Taylor Swift e Idris Alba.

O presidente da Marvel Studios concedeu uma entrevista ontem ao site iO9 e quando perguntado se voltar no tempo para contar uma história do passado de Natasha Romanoff poderia, de alguma maneira, influir no futuro da quarta fase do universo cinematográfico da Marvel, ele respondeu:

Há um método para a loucura. Há sempre um método e fazer as coisas de uma maneira inesperada é algo que nós nos divertimos. Há maneiras de fazer prequels que são menos informativas ou que respondem perguntas que você não necessariamente tinha antes, e por fim, há maneiras de fazer prequels onde você aprende todos os tipos de coisas que antes você não sabia.

Eu vejo “Better Call Saul” como um exemplo maravilhoso de uma prequel que se sustenta por conta própria, separada de Breaking Bad, porque ela informa você de tantas coisas que até então você não sabia, então, o tempo dirá qual rumo tomamos em um suposto filme da Viúva Negra.

Vale lembrar que faltam dois meses para a D23 Expo, evento da Disney em que se acredita que serão feitos os anúncios das séries da Marvel no serviço de streaming da Disney, o Disney +, e os filmes para os próximos cinco anos do MCU, que incluiria o tão esperado filme solo da Viúva Negra.

Há inúmeras teorias a respeito da volta de Natasha mas, é claro, caso o filme seja realmente uma prequel, abordará o passado obscuro da personagem, do qual ela tentou esquecer durante seus anos como vingadora. Isso não anularia as chances de um retorno, por exemplo, em uma cena pós-créditos, só mostraria que estão mais interessados em nos apresentar a uma Romanoff até então desconhecida.

Entrevista retirada do site iO9.

Este artigo contém spoilers sobre o enredo de “Vingadores: Ultimato“.

Os roteiristas de “Vingadores: Ultimato“, Christopher Markus e Stephen McFeely, concederam entrevista ao New York Times, onde comentaram sobre o destino da Viúva Negra (Scarlett Johansson) no filme. Leia o trecho da entrevista traduzido pelo SJBR:

Por que a Natasha Romanoff teve que morrer?

McFeely: A jornada dela, em nossas cabeças, tinha acabado se ela pudesse trazer os Vingadores de volta. Ela vem de um histórico de controle mental tão abusivo e terrível, então quando ela chega a Vormir e tem a chance de juntar a família novamente, essa é a coisa que ela trocaria. A coisa mais difícil para nós foi que nós estávamos sempre preocupados que as pessoas não teriam tempo para ficarem tristes o suficiente. Os riscos são altos e eles ainda não tinham resolvido o problema. Mas nós perdemos um grande personagem – uma personagem feminina – como nós honramos isso? Nós temos esse grupo de homens e é um monte de caras tristes por que uma mulher morreu.

Markus: Tony tem um funeral. Natasha não. Isso é parcialmente por que o Tony é essa figura pública massiva e ela tem sido ninguém* esse tempo todo. Não era necessariamente honesto com a personagem dar um funeral para ela. A maior questão sobre isso é que o Thor fala nas docas. “Nós temos as Joias do Infinito. Por que não trazemos ela de volta?”


*ninguém: nesse contexto, refere-se à visibilidade pública de Natasha Romanoff, e não à importância da personagem

McFeely: Mas essa é uma troca perpétua. Você traz ela de volta, vocé perde a joia.

Havia outro possível final onde Clint Barton se sacrifica no lugar dela?

McFeely: Tinha, com certeza. Jen Underdahl, nossa produtora de efeitos visuais, leu uma prévia do nosso rascunha onde o Gavião Arqueiro vai no lugar dela. E ela disse, “Não tire isso dela.” Eu fiquei realmente emocionado pensando nisso.

Markus: E é verdade, era ele se sacrificando no lugar dela. Era dramático ter ele morrendo e não ter sua família de volta. E só é correto e apropriado que ela tenha se sacrificado.

Confira a entrevista completa no site do New York Times.

Vingadores: Ultimato está em cartaz nos cinemas brasileiros.

No dia 22 de abril, em Los Angeles, ocorreu a premiere mundial de “Vingadores: Ultimato“. O elenco completo do filme estava lá, incluindo Scarlett Johansson, acompanhada de Colin Jost.

Scarlett vestiu uma criação exclusiva do Atelier Versace, de cristais Swarovski e depois, para a after party, trocou por um macacão preto.

Confira as fotos em HQ e vídeos abaixo:

Fotos

    
    

Vídeos

Na tarde do dia 23.04 o elenco de Vingadores: Ultimato compareceu para a cerimonia em Homenagem ao sexteto original em Hollywood. Os Vingadores deixaram uma marca na cultura pop e agora estão fazendo o mesmo no TLC Chinese Theatre.

Scarlett Johansson, Robert Downey Jr, Chris Evans, Chris Hemsworth, Jeremy Renner, Mark Ruffalo e o presidente da Marvel, Kevin Feige. Deixaram suas marcas. Outras impressões de atores do Universo Cinematográfico da Marvel podem ser encontradas fora do cinema, como Anthony Hopkins, Michael Douglas, Samuel L. Jackson e Mickey Rourke. Robert Downey Jr. estará se consolidando para a segunda vez, quando o ator de “Homem de Ferro” fez sua primeira cerimônia de lançamento em 2009. Confira as fotos na galeria abaixo:

Fotos

    

No dia 23.04 Scarlett Johansson esteve presente no programa de TV The Ellen Show, da apresentadora Ellen Degeneres,com participação da Brie Larson. Juntas elas foram divulgar Vingadores: Ultimato.

Elas falaram sobre como se conheceram, o primeiro beijo e sobre suas primeiras atuações, o filme dos Vingadores, sobre tatuagens dos fãs. Elas também participaram de um jogo de pergunta e respostas. Confira os vídeos abaixo:

Fotos