27.11
2022

1

27.09
2022

Scarlett Johansson foi nomeada a atriz mais bem paga do mundo várias vezes e foi listada como uma das pessoas mais influentes pela Time, e agora está fazendo um novo nome como cofundadora da marca de cuidados com a pele The Outset. Sim, outra linha de cuidados com a pele de celebridades, mas algo sobre esta é agradavelmente mais acessível, estratégica e econômica, tornando-se um destaque claro. Johansson teve o benefício de fazer parceria com a cofundadora Kate Foster Lengyel, que possui profundo conhecimento e experiência no setor. Juntas, as duas criaram uma linha de cuidados com a pele que é tão descontraída quanto a premiada atriz enquanto discutimos o que estávamos assistindo na Netflix antes da entrevista.

Enquanto estava sentada em torno de uma mesa grande e chique em seu escritório, que ela diz estar originalmente em sua casa, mergulhamos no coração da marca. Parecia que nada estava fora dos limites com ela. O mais novo lançamento da marca é o Exfoliating Caffeine Micro Polish (US$ 34). Johansson diz que parece fazer um tratamento facial em menos de um minuto. A ideia da linha de cuidados com a pele não “glamourosa”, mas direcionada para aqueles que querem entrar e sair do banheiro mantendo a pele saudável e bonita parecia refrescante. Elas carinhosamente se referiam a ela como “a camiseta branca dos cuidados com a pele”, fácil e universalmente lisonjeira.

New Bauty: Seus amigos amam o The Outset?

Scarlett Johansson: Sim, claro. Todos os meus amigos experimentaram. Eu fiz isso para eles de qualquer maneira. Eu estava dizendo para Kate, é realmente interessante, mas minhas amizades que têm um parceiro homem, todos dizem, “A pele do meu marido está incrível.” Eu estava tipo, “Estamos salvando relacionamentos e estão fazendo muito sexo agora” Isso tem sido realmente surpreendente. Temos muitos fãs do sexo masculino, 30 por cento dos clientes da nossa loja online são do sexo masculino. Tínhamos a intenção de fazer isso para todos, e é realmente adequado, então foi muito legal. Todo mundo adora. Metade dos meus amigos e familiares moram no exterior. Então agora é o desafio de quando vamos chegar lá? Porque eu só tenho que enviar para eles secretamente, mas você sabe, esse é o nosso próximo passo. “Como faço para levar isso aos meus amigos e familiares do Reino Unido?”

Kate Foster: Temos recebido muito “de fato”. Você sabe, quando eles ficam tipo, “de fato isso é incrível”. Quando você tem amigos e você diz: “Oh, eu vou fazer isso”, eles ficam: “Céus, espero que eu goste porque tenho que ver essa pessoa e dizer que é ótimo”. Tenho amigos que experimentaram a linha e eles dizem: “É realmente incrível”. Foi uma experiência muito gratificante para as pessoas descobrirem os produtos no meio de um mercado muito saturado e um espaço lotado e depois ficar tipo, “Uau”.

SJ: É interessante porque é um espaço saturado, mas as pessoas ainda procuram por produtos. Eu tenho um conjunto de amigas, e todas elas gostam muito de moda e beleza, e são artistas e criativas. Eles têm suas próprias marcas e coisas que amam, mas ainda estão procurando um ótimo limpador ou creme para os olhos. Sim, é um mercado muito saturado, mas há pessoas que procuram o produto heróico.

KF: E esse era o nosso objetivo. Desestressar toda a experiência, eu acho, é um dos principais benefícios.

NB: Anteriormente, você mencionou que não está tentando fazer a pele parecer uma “rosquinha vitrificada”. Agora estamos discutindo a saturação do mercado. Existem todas essas outras marcas de cuidados com a pele de celebridades. O que diferencia The Outset?

SJ: Ao entrar sabíamos que era um espaço muito saturado, então isso era algo que estávamos super cientes. Acho que, de certa forma, foi quase como uma oportunidade para nós, porque a linha é muito reduzida. Não se trata de: “Oh, você pode alcançar meu visual?”. Trata-se apenas de uma pele saudável.

KF: Você foi bem direta. Não é nenhum truque, sem conversa fiada, apenas ótimos produtos, ótima qualidade, ótima pele.

SJ: Eu estava tipo, “Eu sei que essa coisa toda de pele brilhante está na moda, mas eu estou muito velha.” e as pessoas vão ficar tipo: “Por que tão brilhante?”

NB: Como o que você aprendeu sobre cuidados com a pele com especialistas, seja no set ou se preparando para tapetes vermelhos, desempenhou um papel nessa linha?

SJ: Honestamente, foi realmente uma história muito pessoal. Isso realmente surgiu da minha própria experiência com cuidados com a pele e crescer e trabalhar com a pele para sempre. Quando eu era pré-adolescente, eu sempre recebia cuidados com a pele de maquiadores no set. Havia algumas dessas marcas que eram muito parecidas com marcas de maquiadores. Eles estavam usando muito como Kiehl’s na época, ou usariam Clinique. Old school, mas não era necessariamente direcionado ao que estava acontecendo com minha pele.

Eu sofri com acne por tanto tempo. Eu estava usando todos esses produtos que, olhando para trás agora, provavelmente estavam interagindo uns com os outros. Houve muito ressurgimento e duplicação disso. Estava apenas deixando minha pele tão seca e não ajudando em nada no problema.

Sua pele afeta a maneira como você se sente sobre si mesmo. Descobri que a melhor versão da minha pele era, depois de muitas tentativas e erros, quando eu era muito consistente com meus cuidados com a pele e estava usando um limpador suave, e depois algo para preparar minha pele como uma água micelar, e depois um hidratante diário muito suave e combinação de creme de noite e foi isso. Isso foi meio que redefinir minha pele de volta ao básico. Eu estava meio que escolhendo a dedo várias  farmácias e marcas de cosméticos americanos. Então, separando tudo e olhando para ele, percebi quanta coisa havia em tudo, quantos produtos químicos tóxicos havia em tudo, mas também não podia usar produtos naturais porque eles também tinham um efeito muito forte na minha pele. E eu meio que cheguei a isso. Eu me interesso por cuidados com a pele e pelos cuidados com a pele de outras pessoas e trocando histórias, problemas, dicas e tudo mais com meus amigos há tanto tempo que esse espaço sempre foi algo que me interessou pessoalmente.

Eu acho que ao ficar mais velha, tive minha filha e comecei a produzir meus próprios projetos, e tinha menos tempo para coisas e realmente só queria fazer as coisas que me interessavam e importavam para mim e passar o tempo focando nisso – foi a partir disso que surgiu [a marca]. De repente, tive espaço para criar uma startup como essa. Não foi até conhecer Kate que realmente pude colocar todas essas ideias em prática e descobrir: “Ok, como você faz isso?” Porque é uma indústria que não conheço. Ter uma startup é uma coisa e aprender essa nova indústria é outra. Há tanta coisa para isso, então tem sido muito gratificante, aventureiro e desafiador. Mas sim, aqui estamos. É tudo o que eu imaginei.

KF: Desde o primeiro momento em que nos conhecemos fiquei empolgada com a ideia dela. Ela tinha esse conceito muito claro do que The Outset se tornou, simplificando os cuidados com a pele de luxo, tornando-os suaves, acessíveis e meio que voltando ao básico dos cuidados com a pele, tão fácil quanto sua camiseta branca perfeita. A primeira coisa que fizemos foi pesquisar e conversar com o consumidor. Vimos que a sensibilidade da pele estava realmente aumentando como nunca antes, porque há tantos ingredientes ativos nos produtos hoje em dia. Quando os clientes estão misturando todos esses diferentes ativos com a grande intenção de autocuidado, eles podem estar, sem saber, criando sensibilidade na pele no processo. Parecia que havia uma oportunidade real para uma marca que poderia ser uma companhia para qualquer outra coisa. Nós realmente pegamos esse conceito de cuidados com a pele mais como um regime de bem-estar diário, como tomar suas vitaminas e escovar os dentes.

SJ: Dizemos que “funciona bem com os outros”, e você pode ter muitos outros passos em sua rotina de cuidados com a pele, mas isso não deve ser algo que entre em conflito com nenhum deles. Para mim, não vou sentar lá e analisar demais minha pele como quando era mais jovem. Eu quero usar a mesma quantidade de tempo que meu parceiro. Podemos usar os mesmos produtos. Nós dois temos pele. É apenas descomplicado e sem perfume. Nós dois temos diferentes sensibilidades de pele.

Meu marido tem uma pele mais seca, irregular e propensa a eczema. Eu tenho pele propensa a acne, mas podemos usar tudo isso juntos e, se quisermos ter nossas outras coisinhas que fazemos, podemos. Eu estava conversando com Kate outro dia e pensei: “É engraçado porque não é glamouroso ou moderno. Trata-se apenas de ter uma pele saudável.” Então todo o resto são apenas apetrechos.

NB: Como vocês duas acabaram como parceiras?

SJ: Nos conhecemos através de um amigo meu. Quando eu estava meio que montando isso, eu estava tipo, “Eu preciso da minha pessoa”. Um conhecido de um amigo meu da indústria disse: “Sabe, tem essa mulher, Kate Foster.” Nós nos conhecemos pessoalmente e tivemos um almoço muito fofo, e ficamos tipo, “Você ouviu sobre essa coisa do Covid ou algo assim?” Uma semana ou algo mais tarde, aconteceu o lockdown e estávamos no Zoom tipo: ‘Oh meu Deus, temos filhos e eles são loucos.”

Na verdade, isso me ajudou bastante a passar por esse momento, sendo capaz de criar e sonhar grande. Ter o apoio uma da outra como duas mães em casa juntas também foi ótimo. A gente só reclamava e surtava.

NB: Os padrões de beleza na indústria afetaram a forma como você vê os cuidados com a pele?

SJ: Eu não sei mais quais são os padrões de beleza. É uma conversa tão diferente agora. Foi tão homogeneizado por um período tão longo de tempo. Agora, sinto que ser a melhor versão de si mesmo é o novo padrão, felizmente, e é disso que realmente tratam nossos produtos. Tenha a sua melhor pele, tenha uma aparência e um sentimento diferentes de qualquer outra pessoa. É exclusivo para você. Então, dessa forma, é meio que um reflexo do que está acontecendo.

Fonte: NewBeauty

25.04
2022

Com exclusividade, o Deadline publicou hoje que Scarlett Johansson e Chris Evans estão definidos para estrelar o novo filme “Projeto Artemis“, com a estrela de Ozark, o diretor e produtor executivo Jason Bateman, sendo o diretor do longa.

A Apple, que neste domingo se tornou o primeiro serviço de streaming a ganhar o prêmio de “Melhor Filme” no Oscar 2022, por Coda desembolsou mais de 100 milhões de dólares para o projeto.

Os detalhes da trama estão sendo mantidos em sigilo, mas rumores dizem que o projeto é sobre a corrida espacial. O roteiro é de Rose Gilroy, filha do roteirista e diretor Dan Gilroy e da atriz René Russo.

Scarlett, que foi duas vezes indicada ao Oscar, irá produzir o filme juntamente com Jonathan Lia e Keenan Flynn por meio de sua produtora These Pictures, que encomendou e desenvolveu o roteiro. Bateman produzirá através da Aggregate Films, sua própria produtora.

Evans e Johansson estão procurando projetos para se unir após o fim de seus dias de Vingadores e quase conseguiram isso em Ghosted, outro projeto que a Apple comprou. Scarlett abandonou o projeto após conflitos de agenda, então Ana de Armas entrou em seu lugar.

Apple e Johansson também estão juntos em outro projeto, Bride, que está atualmente em desenvolvimento. A atriz está estrelando e produzindo, enquanto Sebastián Lelio, vencedor do Oscar, será o diretor do filme.

Apple, CAA e representantes se recusaram a comentar.

05.03
2022

Tirando os atuais cosméticos químicos, provavelmente há poucas pessoas no mundo tão adequadas para entrar no espaço de cuidados com a pele quanto Scarlett Johansson. Johansson tem registrado mais horas na cadeira de maquiagem, consultórios de dermatologistas e trabalhando com marcas de beleza luxuosas do que o cérebro pode quantificar. Embora você pense que a maternidade, o casamento e um trabalho diário como atriz celebrada por gerações a deixariam ocupada o suficiente para preencher três Google Cals, Johansson conseguiu dedicar cinco anos inteiros ao seu projeto passional: uma nova linha de cuidados com a pele (que foi lançado em 1º de março). The Outset, de Scarlett Johansson, foi projetado para agilizar rotinas com uma abordagem bem próxima ao minimalismo. A linha promete levar a pele ao seu estado mais macio, suave e saudável, graças a uma linha de ingredientes cuidadosos. Porém mesmo com meia década de projeto, ela ainda está como uma criança no Natal no dia do lançamento – principalmente graças aos donuts comemorativos no escritório da The Outset naquela manhã.

Embora Johansson seja praticamente sinônimo de pele radiante e luminosa agora, ela está muito familiarizada com alguns dos problemas mais frustrantes – conhecido como acne, começando por volta dos 12 anos e durando até seus 20 anos. “Meu maquiador na época era tipo, ‘e logo você terá rugas, e então você terá rugas e acne!’”, ela ri via Zoom, envolta em um cardigã cinza com seu cabelo loiro puxado para trás (exibindo a pele, claro).

“Acho que quando você tem pele propensa a acne, você gasta muito tempo tentando limpá-la e acaba secando-a”, diz Johansson. Não foi até que ela começou a colocar umidade e nutrientes de volta em sua pele que as coisas começaram a clarear. Ela diz que, de muitas maneiras, The Outset é quase uma resposta a esses anos – uma lição de ser gentil consigo mesmo que se estende muito além dos cuidados com a pele, que ela espera passar para seus filhos. “Sempre digo à minha filha para ser gentil com seu corpo”, explica ela – seja por meio de conversas, escovando os dentes dela para os manter saudável ou suas em sessões semanais de manicure entre mãe e filha nas tardes de quarta-feira. “Eu faço manicure e ela me faz pedicure e é isso que fazemos depois da escola na quarta-feira”, ela compartilha. “Então, isso faz parte do meu autocuidado, apenas passar tempo com meus lindos filhos.”

O autocuidado é um conceito com o qual toda a sua família parece bastante familiarizada. Quando Johansson conheceu seu atual marido, Colin Jost, dono de mais do que apenas o sorriso mais irônico da TV. Johansson diz ao TZR que Jost foi realmente o primeiro parceiro que ela já teve com uma rotina de cuidados com a pele pré-existente, e ela colocou a experiência dele em bom uso como cobaia do creme para os olhos. Johansson fez seu marido experimentar o creme para linhas finas da The Outset, comparando-o com sua marca habitual – e eis que a fórmula de Johansson o conquistou. “Então, eu tenho um cliente fiel!” ela ri.

O lançamento inicial do The Outset inclui uma linha de cinco peças que compõem o pacote inicial ideal para cuidados com a pele – mesmo que você não seja exatamente novo no jogo de cuidados com a pele. Uma constante em cada produto é o Hyaluroset Complex, uma alternativa de ácido hialurônico à base de plantas que promete muita hidratação indutora de brilho.

O restante da linha de produtos da marca é composto por um Limpador Micelar Antioxidante Suave que apresenta uma combinação de 7 aminoácidos para fortalecer e reduzir visivelmente os sinais de envelhecimento; um Sérum Preparatório de Colágeno Vegano Refirmante com extrato de quinoa preta de ingrediente incomum: um superalimento rico em aminoácidos, vitaminas e minerais; um Hidratante Diário Nutritivo Esqualano com lúpulo, arroz vermelho e Edelweiss; um Creme de Noite Restaurador Niacinamida e um Creme Suavizante Vitamina C para Olhos + Linhas de Expressão.

Este pode ser o primeiro empreendimento solo de beleza de Johansson, mas ela é definitivamente uma entusiasta, o que significa que entre as coisas que ela nunca sai de casa sem é uma série de produtos básicos de cuidados com a pele e maquiagem. Marcando a lista do conteúdo de sua bolsa, ela conta um total de três tratamentos labiais (incluindo um de The Outset, é claro), um pó compacto NARS, um brilho labial Laura Mercier, um tubo de pomada A&D clássica provavelmente para ela e seu novo bebê e uma garrafa de Purell [álcool em gel]- necessária para explorar a cidade lentamente reaberta com suas amigas.

E embora existam muitas linhas de cuidados com a pele que se gabam de serem “limpas”, a equipe The Outset realmente trabalhou para eliminar 2.700 ingredientes potencialmente prejudiciais dos produtos no processo de formulação. Na verdade, Johansson diz que aprender exatamente quantos componentes duvidosos são incluídos nos cuidados com a pele é a parte mais surpreendente (e esclarecedora) do processo de desenvolvimento da marca. “Eu simplesmente não percebi quantos ingredientes potencialmente prejudiciais eu estava usando, diariamente”, ela diz ao TZR. “Eu nunca pensei em tudo tudo que ia neles. Eu meio que confiei na embalagem. Eu fiquei tipo, ‘Oh, agora que eu aprendi isso, eu não posso usar, eu sei disso. Essa descoberta foi definitivamente um guia para a criação desta marca.”

O nome da marca foi criado pela co-fundadora e CEO Kate Foster, que a descreve como otimista. Até mesmo o slogan “o seu começo” é indicativo de uma jornada e não de um destino – embora, considerando o histórico de Johansson com autocuidado e desenvolvimento pessoal, pareça o começo de muito, muito mais.

Fonte: The Zoe Report

05.03
2022

A estrela do SNL tem usado secretamente o novo creme para os olhos do The Outset há um ano.

Colin Jost é um cara de creme para os olhos. Pelo menos, é o que diz Scarlett Johansson. “Eu nunca tive um parceiro que usasse creme para os olhos antes”, ela diz à Allure por uma chamada de Zoom. (A atriz e a estrela do Saturday Night Live se casaram em 2020 e compartilham um filho de seis meses, Cosmo.) “Eu sempre esqueço de colocar creme para os olhos, mesmo que meus maquiadores sempre me digam para usar.”

E assim Johansson escolheu Jost para ser a “cobaia” de seu novo creme para os olhos, parte de sua nova marca de cuidados com a pele, The Outset. “Ele foi o primeiro a usá-lo regularmente”, ela compartilha. “Ele está usando secretamente por um ano.” Antes de The Outset entrar em sua vida, Jost usava regularmente o Facial Fuel Eye De-Puffer da Kiehl. “Acho que isso o faz se sentir revigorado”, acrescenta Johansson.

O primeiro lançamento do The Outset contém cinco produtos. Primeiro, há um Limpador Antioxidante Micelar Suave. Para os não iniciados, a água micelar é uma combinação de água, ingredientes como glicerina e surfactante. A dermatologista certificada pelo conselho Francesca Fusco, disse anteriormente à Allure que esta fórmula funciona bem na pele propensa a acne, já que a água micelar “remove os detritos presos da pele, mas não a seca”.

Depois, há o Sérum de Preparação de Colágeno Vegano reafirmante e, como o nome indica, o colágeno não vem de peixe (como no passado). “As fontes de colágeno mais recentes podem ser de engenharia biológica ou de fontes vegetais”, explicou o químico cosmético Ginger King anteriormente à Allure.

Em seguida, estão o Hidratante Diário Nutritivo Squalane e o Creme Noturno Restaurador de Niacinamida. O esqualano funciona melhor para pessoas com pele seca ou madura e que o ingrediente pode “ajudar em problemas de cuidados com a pele em que a barreira da pele é interrompida e a perda de água transepidérmica é um problema”, diz a dermatologista Samantha Fisher, (The Nourishing Squalane Daily Moisturizer também é um favorito entre os sortudos editores da Allure que receberam a linha antes do lançamento.)

Quanto à niacinamida, a dermatologista certificada Marisa Garshick, MD, com sede em Nova York, diz que “fornece uma ótima opção por si só para ajudar a combater as preocupações com os cuidados com a pele, como descoloração e vermelhidão, ao mesmo tempo em que é suave na pele”.

Quanto ao favorito de Jost, o Creme Suavizante Vitamina C para os olhos + Linhas de Expressão. A dermatologista certificada pelo conselho, Patricia Wexler, disse uma vez à Allure que a vitamina C “é um potente antioxidante que pode neutralizar os radicais livres”, o que significa que pode ajudar a reparar as células danificadas da pele – e nas linhas de expressões, pode iluminar a área sob os olhos com um tempo.

“Para mim esse projeto não foi um projeto de vaidade”, diz Johansson. “Eu realmente passei cinco anos me familiarizando com essa indústria, e realmente estivemos muito atentos a cada passo do caminho para criar algo que seja limpo, eficaz, sustentável e com propósito.”

Mas ela definitivamente ouviu a reclamação comum que ressurge toda vez que uma celebridade lança uma linha de cuidados com a pele: mais uma? E ultimamente foram tantos: só nas últimas semanas, Idris Elba e John Legend anunciaram que vão lançar as respectivas marcas. (“Somente para homens sensuais?” Johansson fica inexpressiva ao saber dessa notícia.)

E então ela fica séria. “É muito”, reconhece Johansson. “Acho que a grande questão é: o mundo precisa de outra linha de cuidados com a pele em geral?”, isso é algo em que pensei muito. A ideia de apenas licenciar meu nome e ter outra pessoa fazendo isso por mim, porque seria muito mais fácil e menos arriscado em alguns aspectos, foi descartada por mim. Mas se você pode sentir que uma marca pode ajudar a mudar o padrão de alguma forma, acho que isso é positivo.”

Johansson se refere a sua linha como “sustentável“, que é uma palavra que pode ter uma definição vaga. Para ela, isso significa que os produtos da The Outset são sem fragrância, veganos, sem glúten e sem alérgenos de nozes, com embalagens que incorporam vidro, bioresina e materiais reciclados pós-consumo quando possível. A marca também doará 1% das vendas anuais para apoiar organizações ambientais sem fins lucrativos.

Johansson jura que gosta de manter sua rotina simples; apesar do fácil acesso, ela não está recebendo tratamentos de pele caros e luxuosos todos os meses. “Estou honestamente lhe dizendo que nunca faço nada assim”, diz ela. “Eu tive problemas de pele por tanto tempo que honestamente tenho pavor de tratamentos faciais. Tenho pavor de deixar alguém tocar meu rosto. E acho que é porque também sou tocada o tempo todo, sem parar, então isso é a última coisa que quero fazer – fazer um tratamento facial.”

Certo, claro, mas qual foi o tratamento mais indulgente que ela já recebeu? “Você já fez uma esfoliação em um spa e eles esfoliam levemente seu corpo com toalhas quentes, e não é um processo grande e molhado?” ela pergunta. “Bem, eu fui a um lugar onde alguém me lavou com uma grande mangueira de chuva. Eu fui lavada, enquanto estava deitada. Eu não gostei. E foi estranho porque eu estava sendo lavada como um bebê por um homem adulto que também era atraente. Foi estranho.” Então faz sentido que ela desenvolva uma fobia de tratamentos faciais.

A simplicidade de cuidados com a pele que Johansson prefere reflete em sua linha. “Eu nunca fui uma pessoa que queria passar 25 minutos preparando minha pele para o dia”, diz ela. “A rotina que funciona para mim é muito suave, e eu sou fiel à essa rotina. O regime The Outset é baseado no meu pessoal: limpeza, preparação e hidratação. Não há ingredientes que interajam com qualquer peeling maluco que você esteja usando. Ele se adequa bem com os outros.”

Quando Johansson tinha 12 anos, ela estrelou “O Encantador de Cavalos” de Robert Redford. Ela experimentou um pouco da fase de acne na adolescência nas gravações. “Eu tinha um maquiador que ainda tenho muito ressentimento – ele provavelmente sabe disso – porque me lembro dele tirando sarro da minha acne. Ele dizia: ‘Uau, o que temos hoje, Monte Vesúvio?’”

Ela diz que foi a primeira vez que se sentiu mal com sua pele. “À medida que você passa pela puberdade, você está ciente de como pensa que as outras pessoas te veem”, diz ela. “E então acho que me tornei realmente hiperconsciente de como isso afetou minha autoconfiança”. Isso levou Johansson a experimentar “todos os produtos – cada esfoliante, lavagem, escova, creme, prescrição, esfoliante” em busca de uma cura para a acne.

Johansson acabou trabalhando com a maquiadora Pat McGrath para campanhas de marcas anteriores. “Foi ela quem disse: ‘Eu tive o mesmo surto que você’, e ela me ensinou que eu estava tendo acne bacteriana se movendo de um lado para o outro do meu rosto. Acho que usar diferentes pincéis de maquiagem [no set] fez isso se espalhar por todo o meu rosto”, diz Johansson. “Foi ela quem recomendou um creme com receita – não consigo lembrar qual era, mas acabou com isso [acnes]. Oh, Pat, o que faríamos sem ela?”

Uma vantagem inesperada da construção de marca é escolher uma equipe, diz Johansson. “Fiquei surpresa com o quanto a beleza é acolhedora, muito mais do que outras indústrias, como a moda”, acrescenta. “Dirigir uma startup é um desafio. É uma loucura. Especialmente agora durante a pandemia com o problema da cadeia de suprimentos e tudo mais que está acontecendo, é muito desafiador e estressante, mas eu gostei. É o processo de encontrar a solução que eu gosto. Vou dizer que é um milagre que o nosso Creme Diurno é, o nosso creme diurno acabou de chegar, tipo meio dia atrás?”

É um trabalho de amor. Johansson diz que em seu escritório se sente em casa – literalmente, já que é composto de alguns de seus móveis antigos. “Tem até minha mesa de jantar e cadeira na sala de conferências”, diz ela. “Kate [Foster Lengyel, sua co-fundadora] e eu dividimos o tapete do meu antigo quarto debaixo da nossa mesa.” Fale sobre sustentabilidade.

Fonte: Allure

03.03
2022

Quando descobri que Scarlett Johansson estava lançando uma marca de cuidados com a pele chamada The Outset, fiquei cética. Você pode ter ficado também. Outra celebridade – desta vez, uma atriz premiada – projetando produtos de beleza quando, com franqueza, o espaço já está bastante saturado.

No entanto, a história de Johansson e The Outset é menos sobre ela, na verdade, e mais sobre os produtos. São apenas cinco, são simples – na embalagem e na premissa – e estão em desenvolvimento há três anos. Eles parecem adoráveis, mas Johansson não quer empurrá-los para você. Em vez disso, hoje, ela nos mostra um dia de sua vida – simplesmente compartilhando onde The Outset se encaixa.

R29: Como é a sua rotina matinal logo ao acordar?

SJ: Eu acordo e olho meu telefone imediatamente – gostaria de não fazer isso. Depois bebo um copo de água, escovo os dentes, lavo o rosto com a água micelar suave da The Outset, aplico nosso sérum de preparação de colágeno vegano reafirmante e hidratante diário, e depois vou acordar minha filha para a escola.

R29: Que horas?

SJ: 6:45

R29: Você toma banho pela manhã?

SJ: No final da manhã.

R29: O que você usa no banho?

SJ: Recentemente redescobri Biolage [shampoo] para meu cabelo — continua tão bom quanto era no colegial. E eu uso sabonete da Molton Brown.

R29: O que você usa no rosto, produtos de cuidados com a pele e maquiagem?

SJ: Eu tenho usado os cuidados com a pele da The Outset há três anos e estou viciada em nosso regime diário de três etapas. Para a maquiagem, eu uso o corretivo em caneta da Givenchy, um lápis e gel para sobrancelhas da MAC, rímel da Pat McGrath e um blush e protetor labial da Laura Mercier.

R29: O que você come no almoço? 

SJ: Eu malho e depois almoço, e mantenho as coisas simples, como um wrap de ovo ou sanduíche de peru.

R29: Você usa algum suplemento? 

SJ: Comecei porque percebi que no geral estava esgotada, provavelmente como resultado da amamentação, então agora tomo vitaminas C e D, cálcio, magnésio, complexo B e ômega-3.

R29: Quais produtos de beleza você deixa no seu carro ou na bolsa enquanto viaja?

SJ: Amostras do hidratante diário e sérum de preparação da The Outset, álcool em gel [Purell], creme para as mãos e protetor labial. Qualquer coisa para devolver a umidade à minha pele, porque estou em Nova York e está tão seco por aqui agora.

R29: Como é a sua rotina de cuidados pela noite? 

SJ: Eu lavo meu rosto com a água micelar da The Outset e depois aplico nosso creme noturno de niacinamida. É isso. Simples.

R29: Como você tira a maquiagem?

SJ: Lavo o rosto todas as noites, foi algo que minha mãe incutiu em mim. Eu uso nosso limpador antioxidante micelar suave.

R29: Você usa algum tratamento, como uma máscara facial ou ferramenta?

SJ: Eu realmente não uso. Passei tanto tempo na cadeira de maquiagem tendo pessoas tocando meu rosto que prefiro deixar como está.

R29: O que ajuda você a relaxar durante a noite? 

SJ: Wordle.

Fonte: Refinery29


Layout criado e desenvolvido por Lannie.D - Alguns direitos reservados - Host: Flaunt Network | DMCA | Privacy Policy